sexta-feira, 17 de abril de 2009

DEMÔNIO ANGELICAL

Bouguereau Dante and Virgil in hell

Ah! Demônio sangrento atormentado!
Por ti, minha vil mente só suspira!
Meu corpo intensamente cai e transpira
Ah! Demônio sangrento atormentado!


Nos negros olhos: cor viva do tédio
As vestes lutuosas, pretas, góticas...
Curvas no corpo tão belas e eróticas...
Nos negros olhos: cor viva do tédio


Mas na boca, há lascívia e até pureza:
Tu me beijas com tanta força e ardor
E tu me falas coisas sobre o amor...


Com as coisas do amor casto e sublime
Não há nada no mundo que assim rime...
Ah! Lindo anjo repleto de nobreza!


Rommel Werneck




Vídeo do soneto Demônio Angelical
http://www.youtube.com/watch?v=tg04Gt5pmCM

Nenhum comentário: