quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Greensleeves

Greensleeves


Apois amor me fazes mal

Negar-me assim sem cortesia

Pois eu te amei por tanto tempo

Prazendo-me em sua companhia


Mia senhor era mia alegria

Mia senhor era meu prazer

Mia senhor era meu peito d’ouro

E quem se não mia senhor.


Tradução por Luciano Alencar (BOI)


Versão original:


Alas my loue, ye do me wrong,

to cast me off discurteously:

And I haue loued you so long

Delighting in your companie.


Greensleeues was all my ioy,

Greensleeues was my delight:

Greensleeues was my heart of gold,

And who but Ladie Greensleeues.


(autoria desconhecida, supostamente creditada à Henrique VIII)

Um comentário:

L.Rommel Werneck disse...

International Poesia Retrô